Alcides Singillo Archives - Roldão Arruda
  1. Usuário
Assine o Estadão
assine
terça-feira 02/12/14 19:58

Justiça decide processar Ustra pelo crime de ocultação de cadáver

Tribunal Regional Federal reforma decisão de juiz e manda continuar ação contra coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra e o delegado Alcides Singillo, acusados pelo crime de ocultação de cadáver, na ditadura

Ler post
terça-feira 14/01/14 20:13

Juiz federal extingue processo contra coronel Ustra

Em São Paulo, a Justiça Federal declarou extinta a punibilidade do coronel da reserva Carlos Alberto Ustra, acusado de ocultação de cadáver. Segunda a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal, no dia 5 de janeiro de 1972, o então major Ustra e o delegado de polícia Alcides Singillo sequestraram e ocultaram o cadáver do militante

Ler post
sexta-feira 06/12/13 20:00

Justiça Federal realiza audiência pública para ouvir testemunhas contra coronel Ustra

A 9ª Vara Criminal da Justiça Federal de São Paulo realizará na segunda-feira, 9, a primeira de uma série de três audiências públicas para ouvir as testemunhas de acusação no caso do desaparecimento de Edgar de Aquino Duarte. Ele figura desde 1973 nas listas de desaparecidos políticos durante a ditadura militar. As audiências fazem parte

Ler post
quarta-feira 02/10/13 20:55

Justiça Federal autoriza processo contra coronel Ustra

A Justiça Federal autorizou a continuidade do processo contra o coronel da reserva Carlos Alberto Ustra, acusado pelo sequestro qualificado e desaparecimento do corretor de valores Edgard de Aquino Soares, em 1971. O coronel havia sido denunciado pelo Ministério Público Federal em outubro do ano passado, juntamente com os delegados de polícia Carlos Alberto Augusto

Ler post
quinta-feira 25/10/12 16:44

Para acusar Ustra, juiz usa argumento do STF no mensalão

Edgar22

Na Argentina, foram os juízes de primeira instância que questionaram pela primeira vez, em 2001, as leis conhecidas como Ponto Final e Obediência. Eram as leis com as quais o presidente Carlos Menem (1989-1999) anistiara agentes de Estado acusados de crimes ocorridos no período da ditadura militar, durante a qual desapareceram cerca de 30 mil opositores políticos. O advogado Gastón Chillier, do Centro de

Ler post