As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Lula reclama do ‘acanhamento’ da bancada do PT na época da crise do Mensalão

Camila Tuchlinski

09 Dezembro 2010 | 11h13

Leonencio Nossa, da Sucursal de Brasília

Apesar do clima de confraternização com a bancada federal do PT, no café da manhã realizado hoje no Palácio do Planalto, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não hesitou em dar um puxão de orelha. Ele reclamou especialmente da atuação dos parlamentares petistas na crise de 2005, a chamada crise do Mensalão.

lula_2.jpg

Lula voltou a afirmar que o episódio de 2005 foi uma tentativa para derrubá-lo. Foto: André Dusek/AE

Segundo o líder do PT na Câmara, Fernando Ferro, que participou do café, Lula disse que na época houve um “acanhamento da bancada” em defender o governo. E pediu aos petistas que não repitam o mesmo comportamento em eventuais problemas no futuro governo. “Na dúvida, tem de defender o companheiro”, disse Lula. “Em 2005 esta bancada ficou ausente e houve em algum momento acanhamento”, afirmou.

Lula voltou a afirmar que o episódio de 2005 foi uma tentativa para derrubá-lo. Ele disse que havia uma ação política nessa direção e que a população soube responder. “O PT não pode se dividir, não pode se perder em políticas menores”, recomendou. Segundo ele, o partido unido garantirá a governabilidade e a estabilidade de Dilma Rousseff.

Mais conteúdo sobre:

LulaMensalãoPT