1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Eduardo Campos acredita em vitória ‘apertada’ de Dilma no 1º turno

Bruno Siffredi

03 outubro 2010 | 11:48

Angela Lacerda, de Recife

Confiante na vitória “apertada” de Dilma Rousseff no primeiro turno, o governador de Pernambuco,  Eduardo Campos (PSB), disse que, na ocorrência de um segundo turno no âmbito nacional, “não tem nenhum drama”. “Se ocorrer, vamos fazer campanha por mais 30 dias, como fizemos duas vezes com o presidente Lula”, disse o governador, que deve ser reeleito com a maior votação proporcional do Pais. Ele acabou de votar no colégio Silva Jardim, bairro do Monteiro, zona norte do Recife.

Sem querer antecipar medidas a serem tomadas no seu próximo governo – “vamos esperar o resultado da eleição”- ele indicou que não vai fazer mudança na equipe que o ajudou. O assunto, segundo ele, só poderá ser tratado em dezembro. Aplaudido por eleitores presentes no local de votação, foi abraçado e festejado. Ele votou rapidamente, ao lado do filho mais novo, José, de 5 anos, e ao terminar fez o “V” da vitória com as duas mãos.