Lula diz que vai vetar emenda de royalties do petróleo

Estadão

07 Dezembro 2010 | 16h15

Alfredo Junqueira – Agência Estado

RIO – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva informou nesta terça-feira, 7, que vai vetar a proposta aprovada pelo Congresso Nacional de redistribuição dos royalties de petróleo. A medida retira dos Estados produtores, principalmente Rio de Janeiro e Espírito Santo, grande parte das compensações recebidas pela extração do petróleo e redistribui os recursos para todos os Estados do País.

Ao lado do governador do Rio, Sérgio Cabral, que há meses tenta inviabilizar a emenda aprovada na Câmara e no Senado, Lula confirmou que não aceitou as alterações feitas pelo Congresso à proposta original e que pretende enviar uma Medida Provisória (MP) para regular o tema.

“Nós construímos uma proposta que era melhor. O Rio continuaria ganhando e cederia uma parte para dividir pelo resto do País. Quando chegou no Congresso, o relator do projeto, por questão eleitoral, aceitou a chamada emenda Ibsen (de autoria do deputado Ibsen Pinheiro)”, explicou Lula, acrescentando que “pretendo vetar e enviar uma Medida Provisória com o nosso acordo original”.