Vai, ministra!
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Vai, ministra!

Aviso de Fux de que TSE não tolerará ficha suja foi feito no instante em que Moraes decidiu mandar prender condenado pelo TRF-4

José Nêumanne

07 Fevereiro 2018 | 12h38

Alexandre de Moraes, no salão dos Passos Perdidos, na abertura do ano judiciário em São Paulo Foto: Dario Oliveira

Meu Direto ao Assunto abriu o Podcast Comentaristas do Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – FM 107,3 – da manhã da quarta-feira 7 de fevereiro de 2018, abordando os seguintes temas: a garantia do novo presidente do TSE de que terá tolerância zero com ficha suja na eleição; o voto vencedor e revelador de Alexandre de Moraes mandando executar pena de deputado catarinense e insinuando que sua posição na votação do assunto será igual, mas Rosa Weber manteve seu voto contra; outro que vota contra é Richardo Lewandowski que soltou traficante perigoso condenado no mesmo TRF-4 que apenou Lula; a opinião abalizada de um  herói dos direitos humanos na ditadura contra o trânsito em julgado para condenados em segunda instância; a insistência do PTB em ir até a última instância na Justiça para o final feliz da novela “Vai, ministra!”; o alerta dado pelos mercados internacionais para o Brasil tomar juízo; e o desabamento do viaduto rachado no Eixão do Brasília, que não foi acidental. Alexandre Garcia comentou a publicação do acórdão da condenação de Lula pelo TRF4 e a posição dura do presidente do TSE, Luiz Fux, contra candidatos de ficha suja; que o PTB insiste na posse da Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho; mortes violentas no Brasil por causa de trânsito e homicídios dolosos, perguntando se não seria omissão dos legisladores. Elilane Cantanhêde abordou Alexandre de Moraes e a prisão após a segunda instância; o discurso de Fux no TSE; e o desabamento do viaduto rachado no Eixão de Brasília.

Para ouvir clique aqui