Os condestáveis do doutor Michel
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Os condestáveis do doutor Michel

Egressos da base do Rio, Cunha chegou ao poder com Marun e Maia com o inexpressivo Baldy

José Nêumanne

22 Novembro 2017 | 11h54

Onipresente Marun atua na CPI da JBS contra Janot, inimigo de Cunha e Temer. Foto: Alex Ferreira/Câmara dos Deputados

Meu Direto ao Assunto abriu o Podcast dos Comentaristas do Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – 107,3 – da quarta-feira 22 de novembro de 2017 com a constatação da ascensão de dois condestáveis do governo Temer, Maia e Cunha, ambos da base governista do Rio, imagine; da paulada de Dodge na Alerj e seu trio parada dura; do documento valioso do Banco Mundial sobre nossas desastradas contas públicas; e do trágico recorde de 900 emendas à MP da única reforma que poderia ter vingado: a trabalhista. Eliane Cantanhêde disse que chegou o dia de apresentar a reforma da Previdência, a grande tacada do governo Temer para ter pelo menos o prazer do dever cumprido, mas cujo resultado é incerto; e que amanhã será a vez do foro privilegiado no Supremo, com muita tensão entre os ministros. Gustavo Loyola comentou a reforma da Previdência, números positivos da economia e novo relatório do Banco Mundial. E, em Perguntar Não Ofende, Marília Ruiz constatou que ninguém quer falar sobre Lucas Lima, Cueva ou drones, ora, veja só!

Para ouvir clique aqui