O beabá da propina
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O beabá da propina

PF e MPF investigam se ex-presidente e relator da CPI da Petrobrás venderam impunidade a empreiteiros

José Nêumanne

05 Dezembro 2016 | 18h57

Vital e Maia à mesa da CPI da Petrobrás - impunidade comprada

Vital e Maia à mesa da CPI da Petrobrás – impunidade comprada

A Operação Deflexão, que a PF e o MPF deflagraram em Brasília, na Paraíba e no Rio Grande do Sul contra o ministro do TCU Vital do Rego Filho, do PMDB de Renan, e o ex-presidente da Câmara, Marco Maia, do PT do Rio Grande do Sul, chega a ser didática. Primeiro, resulta de delação de Delcídio do Amaral, que possibilitou o levantamento de provas, que convenceram o relator da Lava Jato no STF, Teori Zavascki, a autorizar busca e apreensão de documentos em poder de dois beneficiários de foro privilegiado. Além disso, Vital presidiu e Maia foi relator da CPI mista da Petrobrás e são acusados de terem recebido propina para evitar constranger proprietários de grandes empreiteiras. O beabá da corrupção.

(Comentário no Direto da Redação 3 da Rádio Estadão – FM 92,9 – na segunda-feira 5 de dezembro de 2016, às 17h37m)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul