Marielle presente
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Marielle presente

Execução de vereadora antes desconhecida no centro do Rijo despertou as massas e as levou à rua para lutar por justiça e paz

José Nêumanne

16 Março 2018 | 13h51

Em vez de calarem, os tiros que mataram vereadora amplificaram seu discurso interrompido. Foto: Ricardo Moraes/Reuters

Marielle presente passou a ser o mote das faixas, cartazes e das multidões sedenteas de justiça e paz que foram às ruas e praças públicas manifestarem sua dor, sua condenação e seu repúdio à volta à barbárie perpretada pelos inimigos da vereadora do PSOL do Rio, militante dos direitos humanos e egressa da Favela da Maré. A emoção tomou conta do Brasil inteiro quando a Nação encontrou uma mártir nma guerra que tem apoiado contra a violência e a impunidade generalizada. O desafio proposto por seus inimigos (que a polícia calcula serem milicianos) conseguiu o feito inédito de reunir governo e sociedade e isolar fascistoides e esquerdopatas no canto do muro, cuja insensibilidade, além de desprezível, passou a ser também inócua. Espera-se que autoridade a entrar na guerra para vencer.

(Comentário no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – FM 107,3 – na sexta-feira 16 de março de co18, às 7h30m)

Para ouvir  aqui e, em seguida, no play

Para ouvir A Voz do Morto, com Caetano Veloso e Paulinho da Viola, clique aqui

Abaixo, os assuntos do comentário:

Haisem Assassinato de Marielle e do motorista pode ter motivado a volta das massas à rua no Brasil. Os assassinos podem ter dado um tiro no pé?

SONORA_CARMEN 1603

 

Carolina Tudo indica que milícia é responsável pela execução. Se for verdade, é uma declaração de guerra, um desafio à intervenção federal e ao governo federal, que a promove. Quem tem mais chances de ganhar essa guerra?

SONORA_DODGE

 

Haisem Marun diz que só imbecil esperava que a violência do Rio fosse acabar em 30 dias. Que adjetivo se pode usar para definir quem imaginou que populismo pode se misturar com segurança pública e Temer podia capitalizar-se politicamente com a intervenção na segurança do Rio?

 

Carolina Justiça aceita denúncia contra Picciani, Melo e Albertassi, a cúpula do MDB de Temer no Rio conflagrado?

 

Haisem Depois de se dizer pronto para ser preso em livro sobre sua luta na justiça, agora Lula afirma que ficará livre. Por que será que ele mudou de opinião?

 

Carolina Aos quatro anos de existência, Lava Jato está ameaçada pelo fim da prisão após segunda instância, a ser decidada pelo STF. O risco é mesmo grande?

 

Haisem Judiciário gasta 84.8 bilhões por ano e fim do auxílio-moradia traria economia de R$ 1,6 bilhão. Vale a pena gastar tudo isso ou fazer essa economia?

 

Carolina Fundo eleitoral banca leilão de deputados na janela de trocas e dirigentes partidários planejam estender a medida a vereadores e prefeitos. Como se livrar desse escárnio para sanear a democracia no Brasil?

 

SONORA A voz do morto Caetano Veloso e Paulinho da Viola

https://www.youtube.com/watch?v=LgyhLaSog0g

Começar no 0:25