João sem braço
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

João sem braço

João Francisco, deputado do baixíssimo clero, foi preso por decisão do STF, mas os chefões da política continuam impunes

José Nêumanne

08 Fevereiro 2018 | 17h39

Preso no exercício do mandato, João Rodrigues não tira o zero dos condenados pelo STF na Lava Jato. Foto: Gustavo Lima/Câmara dos Deputados

O deputado João Rodrigues (PSD-SC) é o terceiro deputado federal a ser autorizado a passar o dia votando leis e a noite punido por ter violado alguma no presídio da Papuda, já que o ministro do STF Alexandre de Moraes confirmou com mais os votos de seus colegas Luiz Fux e Luis Roberto Barroso contra os de Rosa Weber e Marco Aurélio Mello sua condenação pelo TRF-4, que confirmou a condenação de Lula na primeira instância. Ele estava em Miami, tentou dar uma de João sem braço, como se diz na gíria, fugindo para Assunção no Paraguai, mas terminou preso pela Polícia Federal no Aeroporto de Guarulhos. O vídeo que ele gravou e postou nas redes sociais mostra que ele é nrm tosco e nada tem s ver com bandidos impunes do foro privilegiado r com poder, como Aécio Neves, Romero Jucá e outros. É a lei do mais forte em ação. Este é um tema do programa Estadão às 5, ancorado por Emanuel Bomfim e com comentários meus, transmitido do estúdio da TV Estadão na redação de jornal e retransmitido nas redes sociais Youtube, Twitter, Periscope Estadão e Facebook quinta-feira 8 de fevereiro de 2018, às 17 horas.

Para ver o vídeo clique aqui