Alto teor explosivo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Alto teor explosivo

EUA e Lava Jato revelam que, sob Lula e Dilma, Ministério da Fazenda administrou propina pro PT

José Nêumanne

23 Dezembro 2016 | 18h24

dilmapalocciemantega

Dilma, Mantega e Palocci: propina administrada no Ministério da Fazenda

Das bombas que, para o bem ou para o mal, caíram sobre nossas cabeças nesta semana de grandes novidades, a de mais alto teor explosivo foi a revelação da investigação do Departamento de Justiça dos Estados Unidos que levou aquele país e a Suíça se associarem ao Brasil na assinatura de acordo de leniência com a Braskem, cujas proprietárias, em partes iguais, são a Petrobrás e a Odebrecht, que fez o maior pagamento de propina da História. Tais investigações coincidem com os processos conduzidos na Operação Lava Jato, em Curitiba e Brasília, dando conta de que, entre outros fatos estarrecedores, o Ministério da Fazenda dos governos federaos dp PT foi a central de controle do “quadrilhão”.

(Comentário no Direto da Redação 3 da Rádio Estadão – FM 92,9 – na sexta-feira 23 de dezembro de 2016, às 17h35m)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul