As precavidas prostitutas suíças

Marcos Guterman

21 Fevereiro 2010 | 17h11

Prostitutas de Lugano, na Suíça, estão recebendo aulas sobre como usar desfibriladores. O motivo é óbvio: os clientes mais idosos podem ter um infarto durante o expediente.

“Se um cliente morre aqui, isso não é uma boa publicidade”, explicou uma das profissionais. Os bordéis de Lugano costumam atrair senhores da Itália, país que, teoricamente, proíbe essa atividade.

Mais conteúdo sobre:

ProstituiçãoSuíça