1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Kassab fala do “novo” em ataque velado a Serra

Redação

sexta-feira 22/08/14 14:48

A propaganda eleitoral do ex-prefeito Gilberto Kassab (PSD) na disputa para o Senado atinge o calcanhar de Aquiles do também candidato a senador  José Serra (PSDB). Pesquisas contratadas pelo PSDB antes da campanha eleitoral mostravam que uma eventual fragilidade de Serra, que aparece em primeiro lugar nas pesquisas de intenção de voto tecnicamente empatado com o senador Eduardo Suplicy (PT), seria o surgimento de um candidato que se apresentasse como uma novidade eleitoral.

“São Paulo quer novidade, para fazer diferente, um cara que trabalha assim como a gente”, diz o jingle da campanha de Kassab. “Eu quero ser o novo senador de São Paulo”, diz o ex-prefeito em um dos comerciais na TV. Em outro comercial, ele diz: “Não sei os meus adversários, mas eu estou com muita vontade de ser senador, o novo senador de São Paulo”. Em 2012, Serra foi derrotado na disputa pela Prefeitura de São Paulo pelo petista Fernando Haddad que se apresentava como “um homem novo”, com o slogan “Pense Novo”.

Numa eleição em que o discurso da mudança está em pauta, o eleitor estaria disposto a dar seu voto para alguém que trouxesse a mensagem da renovação. De acordo com aliados, esse teria sido um dos fatores que levaram Serra a ficar na dúvida entre a disputa para o Senado e a Câmara dos Deputados. No começo do ano, avaliava-se que entre os candidatos na corrida pela vaga de senador estava Gabriel Chalita (PMDB), que provavelmente usaria a mensagem da novidade.

Aliados, Serra e Kassab se encontraram no apartamento do ex-prefeito para discutir o assunto logo que Kassab anunciou a decisão de concorrer, no final de junho. Houve certo desconforto porque a avaliação era a de que Kassab avançava em cima dos votos azuis, ou seja, no eleitorado tucano. Ainda assim alguns integrantes do PSDB especularam que a campanha de Kassab não seria para valer. Mas o fato é que o ex-prefeito está em campanha, focado no fortalecimento do número 55 e com a intenção de ampliar a bancada de deputados federais.

O senador Eduardo Suplicy corre por fora tentando fazer com que o desgaste do PT com o eleitor paulista não atinja sua campanha. Suplicy usa o slogan “esse cara é do bem” – em 2004, na disputa pela Prefeitura de São Paulo contra Marta Suplicy (PT), Serra usou o slogan “Serra é do bem”. Suplicy também usa a hashtag #honestamenteomelhor.