1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Quem Faz

JOÃO BOSCO RABELLO está no jornalismo político desde 1977, em Brasília, onde participou da cobertura do período que vai da abertura do regime militar à Assembléia Nacional Constituinte de 88, passando pela redemocratização, com a eleição e morte de Tancredo Neves, o primeiro governo civil, de José Sarney e os que o sucederam. Iniciou sua carreira em 1974, no extinto Diário de Notícias, no Rio de Janeiro (RJ). Transferiu-se para Brasília (DF), em 1977, onde alternou as funções de repórter político,coordenador, editor e diretor de sucursal, no Correio Braziliense, Empresa Brasileira de Notícias, O Globo, Jornal do Brasil e o Estado de S.Paulo (1990/2013), nessa ordem. É responsável também pelo conteúdo de análise política do serviço em tempo real Broadcast, da Agência Estado.
domingo 27/03/11 14:01

Sarney, uma biografia para eternizar versões

Ainda não li todo o livro “Sarney, a biografia”, da jornalista Regina Echeverria, mas o  que dele  se publicou, é suficiente para justificar sugestão já feita em algum lugar para que o título fosse outro: “Sarney, uma biografia”. A base de pesquisas do livro é o diário do ex-presidente, o que o torna menos uma biografia e mais uma análise pessoal e emocional do personagem central - que dá sua visão dos fatos, mesmo que a história não a confirme. Não importa, ...

Ler post
domingo 20/03/11 14:40

Corporativismo ameaça poder corregedor do CNJ

dipp luiz silveira divulgacao 20072010 600

Dipp, por um CNJ que investigue juízes Na definição  de seu ex-corregedor, Gilson Dipp, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) tem por missão zelar pela legalidade e moralidade dos atos administrativos de órgãos da Justiça com poder concorrente ao das corregedorias locais para promover a apuração de desvios de juízes e as sanções disciplinares. Trocando em miúdos, o CNJ, criado na reforma do Judiciário para exercer o controle externo daquele Poder, atua para ...

Ler post
segunda-feira 14/03/11 12:00

Governo mantém Abin sob comando militar

Contornado o motim que pretendia retirá-la da hierarquia militar, a Agencia Brasileira de Informação (Abin) passa por uma reformulação de natureza ideológica e operacional. A presidente Dilma Rousseff deu aval para que o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) restaure a missão original da agência como órgão de inteligência estratégica a serviço do Estado. O ministério da Defesa minimizou o conflito classificando-o como uma ação de inspiração sindicalista que reuniu pouco mais de uma centena de funcionários num universo de oitocentos. Não se fala ...

Ler post
segunda-feira 14/03/11 07:12

Novo partido pode reavaliar fusão com PSB

As negociações do prefeito Gilberto Kassab com o PSB do governador Eduardo Campos, entraram em banho-maria.

A parcela do DEM indisposta com a atual direção do partido, dada como base para a formação do PDB, levará quinta-feira ao prefeito paulista a avaliação de que a fusão com o PSB deve ser revista.

Eles entendem que se a justiça eleitoral confirmar que um novo partido terá garantido o tempo de propaganda gratuita na televisão, a fusão perde o sentido.

E, sem o tempo de TV, vira aventura.

Até que isso seja reavaliado, a idéia dos dissidentes é a de permanecer no DEM, independentemente do resultado da Convenção Nacional marcada para amanhã, que deve sacramentar o senador José Agripino (RN), como presidente da legenda.

No fundo, a maioria não se sente confortável com o ingresso numa sigla socialista, cujo estatuto vai na contramão da doutrina liberal.

Levando o tempo de TV, essa parcela do DEM imagina que pode formar com o prefeito um partido sólido viabilizado pela adesão de dissidentes de todas as legendas.

Aberto apenas a coligações

Ler post
quarta-feira 09/03/11 15:34

Com governo imobilizado, violência em Brasília já chama a atenção externa

Eis que o setor hoteleiro de Brasília ganha dimensão internacional. Não por uma eventual descoberta virtuosa até aqui despercebida pelos moradores da Capital. Ou por algum elemento arquitetônico à altura do gênio de Niemeyer, porventura escondido. A visibilidade súbita vem de um informe do Departamento de Estado norte-americano sobre a violência, que mapeia as áreas de risco para seus turistas em todos os pontos do planeta. O informe dos EUA, segundo José Meirelles Passos, no jornal O Globo, diz que Brasília “outrora ...

Ler post
sexta-feira 04/03/11 14:40

Novo vídeo insere governo Roriz no cenário de corrupção do DF

O vídeo inédito apreendido pelo Ministério Público, com a deputada federal Jaqueline Roriz (PMN-DF), e o marido, Manoel Neto, recebendo R$ 50 mil das mãos do ex-secretário de Relações Institucionais do Distrito Federal, Durval Barbosa, é a primeira bomba a estourar no colo do ex-governador Joaquim Roriz, pai da deputada e padrinho político de Durval. O vídeo, ao qual o Estado teve acesso e que pode ser visto no portal Estadão.com.br, foi gravado na sala de Durval Barbosa, na ...

Ler post
quarta-feira 02/03/11 13:23

O lobby pela redução dos direitos autorais está por trás da campanha contra Ana de Holanda

Creative Commons é uma ONG norte-americana, que se diz sem fins lucrativos, mas defende interesses dos grandes provedores de Internet. Oficialmente vive de doações das quais não se conhecem balanços oficiais ou relatórios de auditoria. Seu objetivo é promover o licenciamento na Internet para obras protegidas pela legislação brasileira de direitos autorais.  Ela própria explica em seu site que isso significa a redução dos ganhos dos autores. Está lá, ipsis literis, que seu objetivo é “disponibilizar opções flexíveis de licenças que ...

Ler post