1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Política de outro mundo

Humberto Dantas

08 novembro 2013 | 10:00

Ano passado o mundo parece que ficou menos estarrecido que o esperado com a notícia divulgada por um ex-assessor de Dwight D. Eisenhower. De acordo com Timothy Good, o ex-presidente dos Estados Unidos teria se encontrado secretamente por três vezes com extraterrestres numa base militar do Novo México na década de 50. Não é para se assustar? Já imaginou se a moda pega?

 

Em agosto Dilma Rousseff fez viagem a Minas Gerais e um aspecto chamou a atenção em seus discursos por vezes insossos: “Eu tenho respeito pelo ET de Varginha. Eu sei que aqui quem não viu conhece alguém que viu. De qualquer jeito, eu começo dizendo que esse respeito pelo ET de Varginha está garantido”. Teria Dilma se encontrado com o ET de Varginha? Ou com algum parente próximo? Saberemos disso daqui alguns anos em tom de revelação bombástica? Qual assessor se encarregará do feito? O que Dilma sabe que nós não sabemos? Tente responder apenas com base em aspectos extraterrestres.

 

Ao contrário da revelação de Good, a declaração de nossa presidente gerou tanto rebuliço que o site “As Conversa” garante que o ET de Varginha aproveitou o apoio e se lançou pré-candidato à Câmara dos Deputados em 2014. O portal afirma que a missão seguirá no rumo “política de outro mundo”, com ética, responsabilidade e seriedade! Será? E se isso tudo for verdade, seria o ET acusado de pré-campanha? Não se ele tiver feito essa declaração no Twitter, pois de acordo com a justiça eleitoral brasileira o micro-blog está liberado para afirmações dessa natureza. Resta saber, efetivamente, de onde vem essa candidatura. Em 2012, nem pistas dela. Pudera, pois Dilma ainda não havia dado tamanho incentivo. Na cidade mineira nenhum rastro do ET entre os 230 candidatos a vereador. O que mais se viu foram as tradicionais referências geográficas: fulano do posto, cicrano do Procon, beltrano do INSS etc. Nada de outro mundo.

 

Voltando à candidatura, o que seria uma campanha de outro planeta? Difícil dizer, se na eleição a presidente disse que vale fazer até o diabo, o que dirá quando os extraterrestres se candidatarem? Uma dica vem de Ipuaçu, cidade de Santa Catarina que há anos tem se destacado pelos seus agroglifos – aqueles desenhos imensos em plantações que lembram o filme Sinais, estrelado por Mel Gibson em 2002. Já imaginou? De uma hora para outra o número do ET impresso numa plantação? Se a moda pega o diabo de Dilma vai ficar pequeno. O que dirá a justiça eleitoral sobre isso? Impossível dizer, pois da nossa justiça eleitoral podemos esperar coisas de outro mundo.