Temer pediu a Aécio para retirar ação do TSE, relata delator da JBS

Temer pediu a Aécio para retirar ação do TSE, relata delator da JBS

Joesley Batista disse que tucano contou sobre solicitação do presidente para dar um fim no processo de cassação da chapa eleita em 2014

Julia Affonso, Ricardo Brandt, Fausto Macedo, Fabio Fabrini, Fabio Serapião e Beatriz Bulla

19 Maio 2017 | 16h49

Aécio Neves e Michel Temer. Foto: Ueslei Marcelino/Reuters

Em conversa gravada pelo empresário Joesley Batista, do grupo JBS, o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) contou que o presidente Michel Temer (PMDB) pediu ao tucano que retirasse a ação contra a chapa Dilma-Temer do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O PSDB, na Ação de Investigação Judicial Eleitoral, pede a cassação da chapa vencedora nas eleições de 2014, por suposto abuso de poder político e econômico.

Documento

No diálogo, o senador afastado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) afirma. “A Dilma caiu, a ação continuou, e ele quer que eu retire a ação, cara, só que se eu retirar, e não estou nem ai, eu não vou perder nada, o Janot assume, o Ministério Público assume essa merda”, afirmou ao empresário.


No pedido à Corte máxima para investigar Temer, Aécio e o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), o procurador-geral da República, Rodrigo Janot faz uma observação o interlocutor a que o senador se refere na conversa. “Pelo contexto da conversa, ele é Michel Temer.”

Mais conteúdo sobre:

TSEMichel TemerAécio Neves