Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Politica » Procuradoria aponta ‘vertiginoso acréscimo patrimonial’ de sócios de Paulo Roberto Costa

Política

Politica

OPERAçãO LAVA JATO

Procuradoria aponta ‘vertiginoso acréscimo patrimonial’ de sócios de Paulo Roberto Costa

PF faz buscas em 13 empresas que engordaram o caixa no período em que Paulo Roberto Costa teve poder na estatal

Redação

22 Agosto 2014 | 15h49

A Procuradoria da República constatou “vertiginoso acréscimo patrimonial” dos sócios do núcleo de empresas de familiares do engenheiro Paulo Roberto Costa, durante o período em que ele ocupou o cargo de diretor de Abastecimento da Petrobrás, entre 2004 e 2012. Após sua saída da estatal petrolífera, segundo a investigação, verificou-se “decréscimo de receita” no caixa dessas empresas.

Para os investigadores, a chave do segredo da propina na Petrobrás, durante a gestão de Paulo Roberto Costa, está nessas empresas de seus familiares.

São 13 empresas, citadas na quinta etapa da Operação Lava Jato, deflagrada nesta sexta feira, 22. A Polícia Federal realiza buscas nas 13 empresas desde cedo.

Costa é o alvo maior da Operação Lava Jato, que desarticulou em março grande esquema de lavagem de dinheiro desviado da Petrobrás.

Os federais buscam documentos, arquivos de computador e balanços contábeis que possam confirmar a suspeita de que essas empresas engordaram o caixa precisamente na época em que Costa ostentou poder e influência na estatal petrolífera.

A Procuradoria suspeita que Ariana Azevedo Costa Bachmann, uma das filhas de Costa, e um genro dele, Humberto Sampaio Mesquita, mantêm empresas que foram usadas como intermediárias para captação de recursos em favor do ex-diretor da Petrobrás. O casal é réu em ação criminal no âmbito da Lava Jato por suposto envolvimento em destruição e ocultação de documentos.

Duas das empresas que sofreram buscas nesta sexta feira, 22, são a Bachmann Representações Ltda e a B&X Consultoria e Assessoria Comercial Ltda, ambas em nome de Arianna Azevedo Costa Bachmann.

A primeira recebeu recursos da empresa Estaleiro Atlântico Sul S/A, “esta com contratos milionários com a Petrobrás”. A outra recebeu recursos do Consórcio Confidere Racional “com contratos com a Petrobrás”.

Também está sob suspeita o empresário Marcelo Barboza Daniel, amigo de Costa. A PF fez buscas na residência de Marcelo Barboza, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.

Quando prendeu Paulo Roberto Costa, no dia 20 de março, a Polícia Federal encontrou muito dinheiro vivo com ele: US$ 181,49 mil, 10,85 mil euros e R$ 751,4 mil.

Para justificar a elevada quantia de dinheiro em espécie que foi apreendida em sua residência, Costa alegou, como álibi, ter recebido os valores em empréstimo de Marcelo Barboza. Para os investigadores, a estratégia “pode constituir subterfúgio para lavagem de dinheiro”.

Ao se manifestar favoravelmente pelas buscas nas 13 empresas, todas sediadas no Rio, o Ministério Público Federal argumentou. “Em resumo, há suspeitas consistentes de que o núcleo de empresas de Ariana, Humberto e Marcelo eram usadas como intermediárias para o recebimento de recursos em favor de Paulo Roberto, pagos por prestadores de serviços da Petrobrás.”

“Caso contrário, insiste o Ministério Público, há uma grande série de coincidências implausíveis, como serem os pagadores de tais empresas, coincidentemente, empresas sob influência de Paulo Roberto, e terem os sócios vertiginoso acréscimo patrimonial, havendo decréscimo de receita após a saída de Paulo Roberto da Petrobrás.”

Os investigadores suspeitam que Paulo Roberto Costa é o verdadeiro controlador de todas as empresas. Seu parceiro, segundo a PF, é o doleiro Alberto Youssef, que também está preso.

Uma das empresas que sofreu buscas é a Pragmática Consultoria em Gestão Empresarial Ltda, formalmente em nome de Marcelo Barboza e de Humberto Sampaio Mesquita, com contratos com a Petrobrás S/A.

Outra empresa em que a PF fez buscas nesta sexta feira, 22, é a Costa Global Consultoria e Participações Ltda, de Paulo Roberto Costa e de seus familiares, “com registros informais de valores recebidos de Alberto Youssef, além de contratos milionários entre cliente da Costa Global, a Astromarítima Navegação, e a Petrobrás”.

A Verssales Assessoria Empresarial Ltda, de Humberto Sampaio Mesquita, tem entre suas fontes pagadoras empresas como a Construtora Barbosa Mello S/A com contratos com a Petrobrás.

Os investigadores encontraram registros de “estranha doação” de R$ 1milhão de Marcelo Barboza a Humberto Mesquita, “o que também pode constituir expediente utilizado para justificar fraudulentamente acréscimo patrimonial a descoberto e com origem criminosa”.

A Justiça Federal autorizou as buscas, “para colher elementos probatórios a fim de verificar se as empresas seriam mesmo controladas por Paulo Roberto Costa e utilizadas para receber vantagens indevidas provenientes ainda que indiretamente de contratos com a Petrobrás e a fim de verificar se as empresas têm ou não atividade econômica real e se prestaram ou não os serviços para os quais teriam sido contratadas”.

VEJA A RELAÇÃO DE EMPRESAS QUE SÃO ALVO DAS BUSCAS DA PF:

1) AGP RECURSOS HUMANOS LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, salas 222 e 243, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ).
2) A2 AGÊNCIA DE VIAGENS LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 244, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
3) WORLD CAP INDÚSTRIA,COMÉRCIO,IMPORTAÇÃOE EXPORTAÇÃODE VESTUÁRIOS LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 222, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
4) MR PRAGMATICA LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 222, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ)
5) PRAGMÁTICA CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL LTDA (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 222, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ)
6) PRAGMÁTICA DESENVOLVIMENTO EMPRESARIAL LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 244, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
7) DM3P COMUNICAÇÕES LTDA (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 222, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
8) GRUPO PRAGMÁTICA CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL LTDA ME (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 223, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
9) COSTA GLOBAL CONSULTORIA E PARTICIPAÇÕES LTDA. (Rua Flamboyants da Península, 100, bloco 3, salas 912 e 913, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
10) VERSSALES ASSESSORIA EMPRESARIAL LTDA (Avenida Flamboyants da Península, 100, bloco 3, sala 1.304, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
11) BAS CONSULTORIA EMPRESARIAL LTDA. (Avenida Ministro Ivan Lins, 460. Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
12) BACHMANN REPRESENTAÇÕES LTDA (Rua dr. João Cabral de Mello Neto, 350, bloco 1, apartamento 605, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
13) B & X CONSULTORIA E ASSESSORIA COMERCIAL LTDA (Estrada Barra da Tijuca, 1006, bloco 2, ap. 806, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ)

Mais conteúdo sobre: