1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Procuradoria aponta ‘vertiginoso acréscimo patrimonial’ de sócios de Paulo Roberto Costa

redacaoestadao

sexta-feira 22/08/14

PF faz buscas em 13 empresas que engordaram o caixa no período em que Paulo Roberto Costa teve poder na estatal

A Procuradoria da República constatou “vertiginoso acréscimo patrimonial” dos sócios do núcleo de empresas de familiares do engenheiro Paulo Roberto Costa, durante o período em que ele ocupou o cargo de diretor de Abastecimento da Petrobrás, entre 2004 e 2012. Após sua saída da estatal petrolífera, segundo a investigação, verificou-se “decréscimo de receita” no caixa dessas empresas.

Para os investigadores, a chave do segredo da propina na Petrobrás, durante a gestão de Paulo Roberto Costa, está nessas empresas de seus familiares.

São 13 empresas, citadas na quinta etapa da Operação Lava Jato, deflagrada nesta sexta feira, 22. A Polícia Federal realiza buscas nas 13 empresas desde cedo.

Costa é o alvo maior da Operação Lava Jato, que desarticulou em março grande esquema de lavagem de dinheiro desviado da Petrobrás.

Os federais buscam documentos, arquivos de computador e balanços contábeis que possam confirmar a suspeita de que essas empresas engordaram o caixa precisamente na época em que Costa ostentou poder e influência na estatal petrolífera.

A Procuradoria suspeita que Ariana Azevedo Costa Bachmann, uma das filhas de Costa, e um genro dele, Humberto Sampaio Mesquita, mantêm empresas que foram usadas como intermediárias para captação de recursos em favor do ex-diretor da Petrobrás. O casal é réu em ação criminal no âmbito da Lava Jato por suposto envolvimento em destruição e ocultação de documentos.

Duas das empresas que sofreram buscas nesta sexta feira, 22, são a Bachmann Representações Ltda e a B&X Consultoria e Assessoria Comercial Ltda, ambas em nome de Arianna Azevedo Costa Bachmann.

A primeira recebeu recursos da empresa Estaleiro Atlântico Sul S/A, “esta com contratos milionários com a Petrobrás”. A outra recebeu recursos do Consórcio Confidere Racional “com contratos com a Petrobrás”.

Também está sob suspeita o empresário Marcelo Barboza Daniel, amigo de Costa. A PF fez buscas na residência de Marcelo Barboza, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.

Quando prendeu Paulo Roberto Costa, no dia 20 de março, a Polícia Federal encontrou muito dinheiro vivo com ele: US$ 181,49 mil, 10,85 mil euros e R$ 751,4 mil.

Para justificar a elevada quantia de dinheiro em espécie que foi apreendida em sua residência, Costa alegou, como álibi, ter recebido os valores em empréstimo de Marcelo Barboza. Para os investigadores, a estratégia “pode constituir subterfúgio para lavagem de dinheiro”.

Ao se manifestar favoravelmente pelas buscas nas 13 empresas, todas sediadas no Rio, o Ministério Público Federal argumentou. “Em resumo, há suspeitas consistentes de que o núcleo de empresas de Ariana, Humberto e Marcelo eram usadas como intermediárias para o recebimento de recursos em favor de Paulo Roberto, pagos por prestadores de serviços da Petrobrás.”

“Caso contrário, insiste o Ministério Público, há uma grande série de coincidências implausíveis, como serem os pagadores de tais empresas, coincidentemente, empresas sob influência de Paulo Roberto, e terem os sócios vertiginoso acréscimo patrimonial, havendo decréscimo de receita após a saída de Paulo Roberto da Petrobrás.”

Os investigadores suspeitam que Paulo Roberto Costa é o verdadeiro controlador de todas as empresas. Seu parceiro, segundo a PF, é o doleiro Alberto Youssef, que também está preso.

Uma das empresas que sofreu buscas é a Pragmática Consultoria em Gestão Empresarial Ltda, formalmente em nome de Marcelo Barboza e de Humberto Sampaio Mesquita, com contratos com a Petrobrás S/A.

Outra empresa em que a PF fez buscas nesta sexta feira, 22, é a Costa Global Consultoria e Participações Ltda, de Paulo Roberto Costa e de seus familiares, “com registros informais de valores recebidos de Alberto Youssef, além de contratos milionários entre cliente da Costa Global, a Astromarítima Navegação, e a Petrobrás”.

A Verssales Assessoria Empresarial Ltda, de Humberto Sampaio Mesquita, tem entre suas fontes pagadoras empresas como a Construtora Barbosa Mello S/A com contratos com a Petrobrás.

Os investigadores encontraram registros de “estranha doação” de R$ 1milhão de Marcelo Barboza a Humberto Mesquita, “o que também pode constituir expediente utilizado para justificar fraudulentamente acréscimo patrimonial a descoberto e com origem criminosa”.

A Justiça Federal autorizou as buscas, “para colher elementos probatórios a fim de verificar se as empresas seriam mesmo controladas por Paulo Roberto Costa e utilizadas para receber vantagens indevidas provenientes ainda que indiretamente de contratos com a Petrobrás e a fim de verificar se as empresas têm ou não atividade econômica real e se prestaram ou não os serviços para os quais teriam sido contratadas”.

VEJA A RELAÇÃO DE EMPRESAS QUE SÃO ALVO DAS BUSCAS DA PF:

1) AGP RECURSOS HUMANOS LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, salas 222 e 243, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ).
2) A2 AGÊNCIA DE VIAGENS LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 244, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
3) WORLD CAP INDÚSTRIA,COMÉRCIO,IMPORTAÇÃOE EXPORTAÇÃODE VESTUÁRIOS LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 222, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
4) MR PRAGMATICA LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 222, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ)
5) PRAGMÁTICA CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL LTDA (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 222, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ)
6) PRAGMÁTICA DESENVOLVIMENTO EMPRESARIAL LTDA. (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 244, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
7) DM3P COMUNICAÇÕES LTDA (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 222, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
8) GRUPO PRAGMÁTICA CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL LTDA ME (Avenida das Américas, 500, bloco 22, sala 223, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
9) COSTA GLOBAL CONSULTORIA E PARTICIPAÇÕES LTDA. (Rua Flamboyants da Península, 100, bloco 3, salas 912 e 913, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
10) VERSSALES ASSESSORIA EMPRESARIAL LTDA (Avenida Flamboyants da Península, 100, bloco 3, sala 1.304, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
11) BAS CONSULTORIA EMPRESARIAL LTDA. (Avenida Ministro Ivan Lins, 460. Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
12) BACHMANN REPRESENTAÇÕES LTDA (Rua dr. João Cabral de Mello Neto, 350, bloco 1, apartamento 605, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
13) B & X CONSULTORIA E ASSESSORIA COMERCIAL LTDA (Estrada Barra da Tijuca, 1006, bloco 2, ap. 806, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ)