PF prende dois do Exército do Povo por assassinato de filha de ex-presidente do Paraguai

PF prende dois do Exército do Povo por assassinato de filha de ex-presidente do Paraguai

Óscar Luís Benitez e Lorenzo Gonzalez são suspeitos de integrar a guerrilha e estavam foragidos desde 2004

Fabio Serapião/BRASÍLIA

24 Novembro 2017 | 15h02

Foto: PF

A Polícia Federal prendeu, nesta sexta-feira, 24, Óscar Luís Benitez e Lorenzo Gonzalez, acusados de sequestrar e matar a filha do ex-presidente paraguaio Raul Cubas, em 2005. Ambos são suspeitos de integrar a guerrilha Exército do Povo Paraguaio. Eles estavam foragidos desde 2004, segundo a PF.

Prisão de Benitez e Gonzales em Itaquaquecetuba. Foto: PF

‘Os dois foragidos são acusados pela Justiça Paraguaia de participação em ações criminosas, entre elas, o assassinato de Cecília Cubas, filha de Raul Cubas, ex-presidente paraguaio”, diz a PF.

A corporação ainda informa que eles foram detidos na cidade de Itaquaquecetuba, em São Paulo, e vão permanecer presos na Superintendência da PF, onde aguardarão o processo de extradição.