O fino menu de R$ 1,7 milhão do avião de Michel Temer

O fino menu de R$ 1,7 milhão do avião de Michel Temer

Veja a lista completa da compra cancelada pelo governo após repercussão negativa. Gasto seria com produtos de primeira linha que vão desde água de coco, cápsulas de café expresso até sorvete da marca Haagen Dazs

Redação

28 Dezembro 2016 | 12h05

Em meio a uma das maiores crises econômicas já enfrentadas pelo Brasil, o governo federal resolveu abastecer a dispensa do avião presidencial com produtos de primeira linha. Com base em uma lista de compra de dar inveja a mais abastada das socialites brasileiras, o avião utilizado por Michel Temer teria a sua disposição R$ 1,7 milhão em sucos especiais, sorvetes de marca, cápsulas de café espresso, tortas e doces de muitas variedades.

A compra foi cancelada após a repercussão negativa da revelação dos itens a serem comprados.

Seriam 1,5 mil tortas de chocolate por módicos R$ 96 mil; 600 caixas de suco “light” por R$ 6 mil; 1,5 mil litros de suco de laranja orçados em R$ 14 mil.

Torta de chocolate

Para enfrentar o calor do verão, embora o avião possua ar condicionado, a compra providenciaria sabores para todos os gostos. Por R$7,5 mil o cardápio teria 500 potes de Haagen Dazs, outros R$ 8 mil seriam utilizados para a compra de sorvete sem lactose nos sabores Amora e Morango. Para quem não quisesse nenhum dos três sabores, ainda era possível escolher entre um Corneto de chocolate ou flocos ou uma caixinha de mini-eskibon. Caso o problema fosse a fome e não o calor, a lista também previa a compra de R$ 8,2 mil em sanduíches de mortadela – cada lanche seria comprado por R$ 16,45.

Haagen Dazs

Depois de se lambuzarem com o menu comprado com dinheiro público, Temer e sua comitiva ainda poderiam se limpar com um dos 1.500 pacotes de papel toalha comprados por R$ 28 mil.

Papel Toalha

Mais conteúdo sobre:

Michel Temergastos avião