Na exuberância de Porto de Galinhas, Raquel e os procuradores debatem a defesa da ordem econômica

Na exuberância de Porto de Galinhas, Raquel e os procuradores debatem a defesa da ordem econômica

À beira-mar, como palco o Enotel Resorts Convention, procuradora-geral e seus pares participam do 34.º Encontro Nacional dos Procuradores da República

Renato Onofre e Luiz Vassallo

02 Novembro 2017 | 18h06

Resort em Porto de Galinhas. Foto: Reprodução de vídeo da ANPR

Na paradisíaca Porto de Galinhas, como palco o Enotel Resorts Convention, teve início neste dia 1.ºde novembro, e segue até o dia 5, domingo, o 34.º Encontro Nacional dos Procuradores da República. Raquel Dodge, a procuradora-geral, e seus pares debatem ‘o Ministério Público Federal e a defesa da ordem econômica’.

A programação conta com nomes do meio jurídico e jornalistas, informa o site da Associação Nacional dos Procuradores (ANPR). O encontro foi aberto por Raquel e pelo ministro Luís Barroso, do Supremo Tribunal Federal. Nesta quinta, 2, a programação inclui o professor e jornalista Clóvis de Barros em palestra sobre ética relacional. E os jornalistas André Guilherme Vieira (Valor Econômico) e Leonardo Cavalcanti (Correio Braziliense) em mesa redonda para tratar do ‘Impacto da atividade do MPF na conjuntura econômica e política’.

Acordos de leniência é o tema do painel que será realizado na sexta, 3. Participarão do debate a coordenadora da 5.ª Câmara do Ministério Público Federal, subprocuradora-geral da República Mônica Nicida, o integrante da força-tarefa da Greenfield, procurador Paulo Gomes Ferreira Filho, o integrante da força-tarefa da Lava Jato, procurador Paulo Roberto Galvão de Carvalho, e a coordenadora do grupo de trabalho da 5.ª Câmara de Coordenação e Revisão, procuradora regional Samantha Chantal Dobrowolski.