‘Lula foragido’

‘Lula foragido’

À porta da Polícia Federal em Curitiba, manifestantes protestaram ante a ausência do ex-presidente, que não se entregou, contrariando ordem do juiz Sérgio Moro

Fabio Serapião e Ricardo Brandt

06 Abril 2018 | 17h26

FOTO JF DIORIO / ESTADAO

Manifestantes aglomerados em frente ao prédio da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, entoaram gritos de “Lula foragido” assim que o relógio marcou 17h.

O horário era o limite estipulado pelo juiz Sérgio Moro para que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se entregasse. Mesmo sem se entregar, a assessoria de imprensa da Justiça Federal do Paraná afirmou que Lula não será considerado foragido.

De acordo com o despacho de Moro, após as 17h de hoje, a PF poderia cumprir o mandado de prisão. O delegado da Lava Jato, Igor Romário de Paula, afirmou que possibilidade de a PF entrar no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo para prender Lula ‘é remota’.

“A prioridade é evitar confronto, o que faria inflar ainda mais os ânimos”, disse após reunião com forças de segurança estaduais para definir a operação de prisão de Lula.

Mais conteúdo sobre:

Polícia FederalLula