Funcionário de deputado xingado de ‘gigolô de empreiteira’ agride manifestante

Funcionário de deputado xingado de ‘gigolô de empreiteira’ agride manifestante

Ao desembarcar no aeroporto de Fortaleza, Aníbal Gomes (PMDB-CE) foi alvo de protestos por um grupo de pessoas, motorista que estava com ele reagiu com socos

Redação

02 Dezembro 2016 | 14h34

anibalrep

Um vídeo revelado pelo site de notícias Buzzfeed e que está circulando na internet mostra um funcionário do deputado federal Aníbal Gomes (PMDB-CE) agredindo um homem que teria chamado o parlamentar de “ladrão” no aeroporto de Fortaleza.

O homem alvo das agressões fazia parte de um grupo de pessoas que, segundo o site, passou a gritar que Aníbal Gomes era “ladrão da Lava Jato” e “gigolô de empreiteira”. O funcionário do parlamentar, então, desfere socos no rosto do homem, que aparece depois sangrando no saguão do aeroporto.

 

O episódio causou forte reação das pessoas no entorno, que gravam e seguem xingando o político de corrupto. Ao final do vídeo do Buzzfeed ainda aparecem o parlamentar e seu funcionário do lado de fora do aeroporto ao lado de um policial. O funcionário de Aníbal chega a admitir que bateu no homem porque “ele estava agredindo o deputado”.

Investigado na Lava Jato, Aníbal Gomes foi denunciado pelo procurador-geral da República Rodrigo Janot ao Supremo Tribunal Federal acusado de corrupção e lavagem de dinheiro no esquema na Petrobrás.

Segundo a denúncia, o parlamentar teria acertado o pagamento de propina de R$ 800 mil ao então diretor de Abastecimento da Petrobrás Paulo Roberto Costa, para permitir e facilitar um contrato entre a Petrobrás e empresas de praticagem atuantes na Zona de Portuária 16, no Rio de Janeiro.

O procurador-geral da República quer ainda a decretação da perda da função pública do deputado Aníbal Gomes, principalmente por ter agido com violação de seus deveres para com o Estado e a sociedade.

Aníbal vem negando envolvimento em irregularidades. A reportagem tentou contato no gabinete do deputado, mas ninguém atendeu. O espaço está aberto para a manifestação do parlamentar.