Doleiro Dario Messer, foragido, entra no alerta vermelho da Interpol

Alvo da Operação 'Câmbio, desligo' estaria foragido no Paraguai

Felipe Frazão

04 Maio 2018 | 20h18

A Corte Suprema de Justiça do Paraguai emitiu ordem de prisão para extraditar o doleiro Darío Messer, principal alvo da Operação ‘Câmbio, Desligo’, deflagrada na quinta-feira, 3, no Brasil. A principal suspeita é que Messer, incluído em alerta vermelho da Interpol, esteja foragido no país vizinho. Ele não havia sido localizado até a noite desta sexta, 4.

O juiz Miguel Tadeo Fernandez Ayala, do Juizado Penal de Garantias de Assunção, emitiu o mandado na manhã desta sexta, além de enviar comunicados à Polícia Nacional para realização de buscas a fim de encontrar e prender Messer.

A ordem de prisão de Messer na Operação ‘Câmbio, desligo’, foi despachada pelo juiz federal Marcelo Bretas, da 7.ª Vara Federal do Rio.

Messer é suspeito de comandar uma rede de doleiros que movimentou U$ 1,6 bilhão entre 2008 e 2017, em 52 países.

“Estamos realizando todas as diligências para capturá-lo”, disse o fiscal Manuel Doldán, responsável por Assuntos Internacionais do Ministério Público paraguaio.