1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Cade investiga cartel no mercado de instrumentos eletrônicos

Redação

08 dezembro 2014 | 19:43

Práticas teriam durado 10 anos e podem ter afetado institutos de pesquisa, universidades, forças armadas, órgãos governamentais de telecomunicação, transporte e energia

Por Julia Affonso

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) instaurou, nesta segunda-feira 8, um processo administrativo para investigar um possível cartel no mercado nacional de instrumentos eletrônicos para testes e medição. De acordo com a Superintendência-Geral do órgão, as práticas anticoncorrenciais teriam ocorrido entre 2002 e 2012 e podem ter afetado institutos de pesquisa, universidades, as forças armadas, órgãos governamentais de telecomunicação, transporte e energia públicos e privados.

Os instrumentos de teste e medição incluem osciloscópios, fontes de alimentação, medidores e produtos de radiofrequência, analisadores e geradores de sinal e pulso, além de digitalizadores, sensores e outros dispositivos. Para o órgão, há indícios de que 15 empresas fixavam condições comerciais, vantagens e abstenção de participação em licitações públicas e privadas. Vinte pessoas também serão investigadas.

Segundo o Conselho, as empresas também dividiam entre si o mercado e os clientes. Com a instauração do processo administrativo, os acusados serão notificados para apresentar defesa. Ao final da instrução processual, a Superintendência-Geral opinará pela condenação ou arquivamento e remeterá o caso para julgamento pelo Tribunal Administrativo do Cade, responsável pela decisão final.

Tags: ,