1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Quem Faz

FAUSTO MACEDO é repórter de Política do jornal "O Estado de S.Paulo" (fausto.macedo@estadao.com) Colaboração: Mateus Coutinho, repórter de Política do jornal "O Estado de S.Paulo" (mateus.coutinho@estadao.com), e Julia Affonso, repórter do jornal “O Estado de S.Paulo” (julia.affonso@estadao.com)
sexta-feira 22/05/15 12:23

Contas no exterior podem levar Lava Jato a beneficiários de propina

EXTRATO PASCOWITCH ENTREGUE BARUSCO 3

[caption id="attachment_17809" align="aligncenter" width="440"]Lobista Milton Pascowitch, preso pela Lava Jato, acusado de pagar propina Lobista Milton Pascowitch, preso pela Lava Jato, acusado de pagar propina[/caption] Por Ricardo Brandt, Julia Affonso e Fausto Macedo Uma conta no banco UBS AG, nos Estados Unidos, em nome da offshore MJP International Group, e outra em nome da offshore Farallon Investing Ltd. podem ter sido a origem de pagamentos de propina feitos pelo lobista Milton Pawscowitch - ...

Ler post
sexta-feira 22/05/15 05:00

Donos de “consultorias” multiplicaram bens em até 97 vezes

Milton Pascowitch em fevereiro, quando prestou depoimento À PF. Foto: Sérgio Castro/AE

[caption id="attachment_17808" align="aligncenter" width="502"]Milton Pascowitch em fevereiro, quando prestou depoimento À PF. Foto: Sérgio Castro/AE Milton Pascowitch em fevereiro, quando prestou depoimento À PF. Foto: Sérgio Castro/AE[/caption] Atualizada às 11h49 Por Fábio Fabrini, de Brasília Donos de empresas de consultoria e assessoria investigados na Operação Lava Jato tiveram um enriquecimento meteórico entre 2003 e 2013, período em que o esquema de corrupção na Petrobrás funcionou, segundo seus delatores, de forma "institucionalizada". Conforme o caso, ...

Ler post
quinta-feira 21/05/15 20:21

STF barra nova sabatina de ministros pelo Senado

João Ricardo Costa é o atual presidente da Associação. Foto: AMB

[caption id="attachment_15411" align="aligncenter" width="600"]João Ricardo Costa, da AMB João Ricardo Costa, da AMB. Foto: AMB[/caption] Por Fausto Macedo e Julia Affonso Por 8 votos a favor da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI 5.316) e dois contrários, os ministros do Supremo Tribunal Federal declararam a inconstitucionalidade de uma nova sabatina aos ministros dos tribunais superiores pelo Senado. No entendimento da maioria dos ministros da mais alta Corte do país será suprimido o trecho da ...

Ler post
quinta-feira 21/05/15 18:32

Lojas Marisa condenada a indenizar em R$ 5 mil por revistar armário de funcionária

Foto: Niels Andreas/AE
Foto: Niels Andreas/AE

Foto: Niels Andreas/AE

Por Guilherme Simão, especial para o Blog

A Segunda Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) condenou a Lojas Marisa a pagar indenização de R$ 5 mil por danos morais a uma ex-funcionária que tinha o armário pessoal revistado pela empresa para coibir furtos de mercadorias.

Condenada em primeira instância ao pagamento de R$ 5 mil, a Marisa conseguiu reverter a decisão após recorrer ao Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região, no Estado da Paraíba.

No Tribunal Superior do Trabalho, porém, o recurso da trabalhadora foi acolhido e a sentença restabelecida de forma unânime. As informações foram divulgadas pelo site do TST.

VEJA A ÍNTEGRA DA DECISÃO DA JUSTIÇA

O relator do recurso, desembargador Cláudio Couce, entendeu que a conduta da empresa foi ilícita porque era feita sem a presença da trabalhadora e sempre que havia suspeita de furto na loja. Para o magistrado, ficou comprovado nos depoimentos das testemunhas que os armários eram revistados uma vez ao mês, sem a presença dos empregados quando havia suspeita de furtos.

No processo, a empresa argumentou que a revista visual em bolsas e sacolas é um direito do empregador. A companhia alegou que apenas determinava que os trabalhadores abrissem as bolsas para uma revista em contato físico ou toques nos pertences quando eles saíam do local de trabalho.

Para o desembargador, esse procedimento é ilícito porque questiona a honestidade do trabalhador, ofendendo sua dignidade. Segundo Cláudio Couce, a empresa deve adotar meios menos invasivos à intimidade do empregado para prevenir furtos, como câmeras de segurança e sensores magnéticos.

Procurada durante três dias, a Lojas Marisa não se manifestou sobre a decisão da Justiça.

Ler post
quinta-feira 21/05/15 16:51

Dirceu diz que consultoria para empreiteira não tem relação com Petrobrás

José Dirceu é um dos investigados pela Lava Jato. Foto: Dida Sampaio/Estadão

[caption id="attachment_7129" align="aligncenter" width="553"]José Dirceu é um dos investigados pela Lava Jato. Foto: Dida Sampaio/Estadão José Dirceu é um dos investigados pela Lava Jato. Foto: Dida Sampaio/Estadão[/caption] Por Ricardo Brandt, Julia Affonso e Fausto Macedo O ex-ministro-chefe da Casa Civil José Dirceu informou que o contrato com a JAMP Engenharia - controlada pelo lobista Milton Pascowitch, preso nesta quinta feira, 21, pela Operação Lava Jato - "teve o objetivo de ...

Ler post
quinta-feira 21/05/15 12:03

Lobista pagou R$ 1,15 milhão para Dirceu durante julgamento do Mensalão

Foto: Dida Sampaio/Estadão

[caption id="attachment_13743" align="aligncenter" width="540"]Foto: Dida Sampaio/Estadão José Dirceu. Foto: Dida Sampaio/Estadão[/caption] Atualizada às 18h56 Por Ricardo Brandt, Julia Affonso, Andreza Matais e Fausto Macedo A força-tarefa da Operação Lava Jato descobriu que o lobista Milton Pascowitch repassou R$ 1,15 milhão para a empresa JD Assessoria e Consultoria, de José Dirceu, no ano de 2012, quando o Supremo Tribunal Federal julgava o processo do mensalão,no qual a Procuradoria-Geral da República acusava por corrupção o ...

Ler post
quinta-feira 21/05/15 11:17

Lobista preso é alvo central de apuração que envolve Dirceu, Duque e PT

Ex-ministro José Dirceu terá que explicar dados de contratos para Lava Jato

[caption id="attachment_14147" align="aligncenter" width="480"]Ex-ministro José Dirceu terá que explicar dados de contratos para Lava Jato Ex-ministro José Dirceu terá que explicar dados de contratos para Lava Jato[/caption] Atualizada às 18h55 Por Fausto Macedo, Julia Affonso, Ricardo Brandt e Andreza Matais O lobista da construtora Engevix Milton Pascowitch, preso na manhã desta quinta-feira, 20, na 13ª fase da Operação Lava Jato, é o alvo central das investigações envolvendo o suposto recebimento de propinas pelo ex-ministro José ...

Ler post
quinta-feira 21/05/15 11:02

Lobista preso pode ter pago propina com obras de arte a ex-diretor da Petrobrás

IMG-20150521-WA0022

IMG-20150521-WA0022

Por Ricardo Brandt, Fausto Macedo, Andreza Matais e Julia Affonso A Polícia Federal tem elementos para apontar que o ex-diretor de Serviços da Petrobrás Renato Duque pode ter recebido obras de arte como pagamento de propina. Pelo menos três quadros entre os 131 apreendidos em sua residência do ex-diretor indicado pelo PT, no Rio, em março, teriam sido pagos pelo lobista da Engevix, Milton Pascowitch, preso nesta quinta-feira, 20, na 13ª etapa da Operação Lava Jato. “ Ler post
quinta-feira 21/05/15 03:00

“Levando no Bico”

*Por Jorge Pontes O latrocínio brutal que na última terça-feira vitimou o médico e ciclista Jaime Gold, quando este pedalava na orla da Lagoa Rodrigo de Freitas, um dos cartões postais do Rio de Janeiro, nos impõe trazer a discussão um assunto pouco abordado e que talvez seja uma das causas desta e de muitas outras tragédias anunciadas da crônica policial da nossa cidade. A pergunta é uma só: por que não se policiou efetivamente a Lagoa, se já se noticiavam inúmeros assaltos ...

Ler post