Pastor Silas Malafaia é alvo da Operação Timóteo por lavagem de dinheiro

Pastor Silas Malafaia é alvo da Operação Timóteo por lavagem de dinheiro

Fábio Fabrini e Andreza Matais

16 Dezembro 2016 | 08h50

WJSILAS11 - RJ - 08/10/2014 - POLÍTICA/DEBATE/GOVERNO - POLÍTICA OE - Debate entre os candidatos ao Governo do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella e Luiz Fernando Pezao, realizado pela revista Veja no auditório da OAB/RJ no centro da cidade. Na foto, o Pastor Silas Malafaia. Foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO

WJSILAS11 – RJ – 08/10/2014 – POLÍTICA/DEBATE/GOVERNO – POLÍTICA OE – Debate entre os candidatos ao Governo do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella e Luiz Fernando Pezao, realizado pela revista Veja no auditório da OAB/RJ no centro da cidade. Na foto, o Pastor Silas Malafaia. Foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO

A Polícia Federal cumpre nesta sexta-feira, 16, mandado de condução coercitiva contra o pastor Silas Malafaia, do Ministério Vitória em Cristo. Ele é suspeito de apoiar lavagem do dinheiro de esquema de corrupção no Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM). Os investigadores alegam que o líder religioso pode ter “emprestado” contas correntes de uma instituição sob sua influência com a intenção de ocultar a origem ilícita dos valores.
A operação desta sexta, batizada de Timóteo, tem inspiração em trecho do livro homônimo da Bíblia: “Os que querem ficar ricos caem em tentação, em armadilhas e em muitos desejos descontrolados e nocivos, que levam os homens a mergulharem na ruína e na destruição”.