Juízes do Rio recebiam extra até para fazer audiência de custódia

Juízes do Rio recebiam extra até para fazer audiência de custódia

Luiza Pollo

19 Fevereiro 2018 | 16h08

Em crise financeira, o Rio de Janeiro pagava até dezembro adicional para juízes realizarem audiência de custódia. O benefício foi suspenso por liminar do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que ainda não deliberou sobre devolução dos recursos.

LEIA MAIS: Ministros terão que detalhar agendas a partir de hoje

A audiência de custódia faz parte das atribuições dos juízes. Todo preso em flagrante deve ser levado à presença do juiz para que avalie a legalidade e necessidade de manter a prisão.

O benefício garantia R$ 9,6 mil aos juízes por mês e custava R$ 50 milhões ao ano para os cofres públicos.

Coluna do Estadão:
Twitter:
 @colunadoestadao
Facebook:
 facebook.com/colunadoestadao
Instagram:
 @colunadoestadão