Governo quer cancelar contrato com empresa de análise de dados nas redes sociais

Governo quer cancelar contrato com empresa de análise de dados nas redes sociais

.

Luiza Pollo

25 Dezembro 2016 | 05h45

Foto: Dudu Tomasi/Estadão

Foto: Dudu Tomasi/Estadão

A Secretaria de Comunicação do governo decidiu cancelar o contrato de R$ 44,7 milhões com a Agência Isobar Brasil, que faz análise das reações da população nas redes sociais a medidas do governo.

A ex-presidente Dilma Rousseff era adepta da leitura diária dos relatórios da Isobar, que contavam com informações detalhadas em cerca de 40 páginas. Temer tem laudos diários mais enxutos, com cerca de 10 páginas.

Após a publicação da nota, o secretário de Comunicação, Márcio de Freitas, informou que não decidiu cancelar o contrato com a Isobar. “Eles continuam a prestar serviços até o fim do contrato”. 

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Mais conteúdo sobre:

Secom