Andrade Gutierrez receia multa maior na Lava Jato

Andrade Gutierrez receia multa maior na Lava Jato

.

Luiza Pollo

25 Dezembro 2016 | 05h00

Operação Lava Jato. Foto: Fábio Motta/Estadão

Operação Lava Jato. Foto: Fábio Motta/Estadão

Executivos da Andrade Gutierrez estão preocupados com a possibilidade de a Força-Tarefa aumentar a multa imposta à empresa no acordo de leniência, de R$ 1 bilhão, por causa do recall que terão de fazer nos acordos já firmados. A expectativa é de que no início de 2017 os executivos sejam chamados para falar sobre pontos que não contaram na delação premiada, mas que foram expostos pelos delatores da Odebrecht. Entre os pontos que terão de ser detalhados, estão corrupção em obras em SP e na cidade administrativa de BH.

Advogados que defendem empreiteiras nos processos de delação premiada citam uma frase do ex-ministro Márcio Thomaz Bastos, morto em novembro de 2014. “O problema de delação premiada é que ela nunca acaba.”

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Mais conteúdo sobre:

Andrade GutierrezLava Jato