Em veto, Meirelles dá recado de que dinheiro fácil acabou

Em veto, Meirelles dá recado de que dinheiro fácil acabou

Luiza Pollo

29 Dezembro 2016 | 06h00

henrique meirelle

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. Sinais Particulares// Kleber Sales.

O veto do presidente Michel Temer a parte do projeto do socorro dos Estados foi visto como uma espécie de mensagem da equipe econômica e do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, para governadores e parlamentares avisando que o dinheiro fácil acabou.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Mais conteúdo sobre:

Michel TemerDívida dos EstadosVeto