Débito de dívida em conta corrente. Pode?

crespoangela

17 Março 2008 | 13h49

O banco só poderá debitar valor de dívidas diretamente da conta do consumidor – referentes a estouro de limite cheque ou empréstimo – se este autorizar por escrito. “Esse tipo de cobrança só pode acontecer se estiver prevista no contrato assinado entre o banco e o correntista”, diz Maria Inês Dolci, coordenadora institucional da Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Pro Teste).
No caso de o desconto estar previsto em contrato, o que o consumidor pode fazer é tentar renegociar a dívida caso esteja com dificuldades para pagar. “Aí, é bom procurar o banco para resolver a situação, senão o problema pode piorar, uma vez que são cobrados juros sobre juros”, esclarece. A saída também serve para aqueles casos em que a dívida tenha sido passada para uma empresa de cobrança. “O consumidor tem o direito de negociar e pagar com quem adquiriu a dívida original”, completa Maria Inês.