Alarme antifurto acionado indevidamente rende indenização

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal condenou as Lojas Americanas a indenizar uma consumidora, que foi revistada após o disparo do alarme antifurto, quando ela saía da loja

Marcelo Moreira

16 Dezembro 2010 | 13h41

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal condenou as Lojas Americanas a indenizar uma consumidora, que foi revistada após o disparo do alarme antifurto, quando ela saía da loja. A cliente alegou ter sofrido constrangimento ao ser revistada diante de outros clientes presentes na loja. Ela receberá R$ 4 mil por danos morais.

Mais conteúdo sobre:

indenizaçãoLojas Americanas