Política

politica

Câmara lê parecer da denúncia contra Temer

A 2ª secretária da Câmara, Mariana Carvalho (PSDB-RO), lê parecer que pede rejeição de denúncia contra presidente Michel Temer.

Por volta das 14h30 da tarde desta terça-feira, 1, a deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) encerrou a leitura do parecer da denúncia contra o presidente Michel Temer. O votação acontecerá na quarta-feira, se houver o quórum de 342 deputados.

Veja o rito da denúncia na Câmara.

ACOMPANHE AO VIVO

Atualizar
  • 14h38

    01/08/2017

    Depois de meia hora aproximadamete, a deputada conclui a leitura do parecer.

  • 14h19

    01/08/2017

    O plenário da Câmara dos Deputados lê, em sessão deliberativa, o parecer sobre a denúncia contra o presidente Michel Temer, na tarde desta terça-feira, 1. O procedimento faz parte do rito de votação da denúncia, marcada para ocorrer nesta quarta-feira, a partir das 9 horas.

    Para que a sessão desta terça fosse aberta eram necessários pelo menos 51 dos 513 deputados com presença registrada na Câmara. No momento do início da leitura do parecer, havia 90 parlamentares na Casa. O procedimento está sendo conduzido pela 2ª secretária da Casa, deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO).

    O relatório aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG), pede a rejeição da denúncia apresentada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra Temer. Após a leitura, o parecer da denúncia será publicado no Diário Oficial da Câmara e estará pronto para ser votado na sessão de amanhã. Se forem registrados 342 votos 'não' ao parecer, a denúncia será aceita e o Supremo Tribunal Federal ficará autorizado a julgar o presidente Temer pelo crime de corrupção passiva. (Renan Truffi)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.